PROSEGUR com lucros de 39 milhões de euros no primeiro trimestre de 2014


Entre janeiro e março de 2014, a PROSEGUR registou um lucro líquido de 39 milhões de euros, um aumento de 10% face ao registado em igual período de 2013. A PROSEGUR faturou 886 milhões de euros, mais de 13% em relação aos primeiros três meses do exercício passado, sem o efeito das taxas de câmbio.

O lucro operacional foi de 77 milhões de euros, que correspondeu a uma melhoria de 8,7% na margem operacional.

Em comunicado, a PROSEGUR realçou que estes dados confirmam a força da estratégia da empresa, apesar de um ambiente macroeconômico incerto, marcado pela desvalorização das principais moedas latino-americanas.

As vendas nas regiões da Europa e Ásia-Pacífico subiram 3% em relação aos três primeiros meses de 2013, para 376 milhões de euros, um crescimento que se ficou a dever à melhoria verificada na Alemanha, onde o crescimento foi de 34% e na França de 3%. Na região Ásia-Pacífico, a empresa prossegue a consolidação, tendo aumentado o volume de negócios em mais de 300%. Por outro lado, em Espanha as receitas recuaram quase 10%, em linha com a contração no setor.

Na América Latina, as vendas caíram cerca de 8%, para 509 milhões de euros, devido ao impacto da depreciação das divisas, sobretudo o real e o peso argentino. No entanto, os mercados nesta região evoluíram de forma positiva, com destaque para a Colômbia, com uma subida de 14% na receita.