Matérias Cadastradas

Notícias

02/12/2014 às 15h35m38s

Notícia acessada 234 vezes

Motorista de carro forte é feito refém com colete com explosivos falsos


Segundo a polícia, motorista diz que foi sequestrado por quatro homens.

Artefatos foram desmontados pelo esquadrão antibombas.

O esquadrão antibombas do Grupo de Ações Táticas Especiais da Polícia Militar (Gate) retirou um colete de artefato suspeito de ser explosivo que foi amarrado ao corpo do motorista de um carro forte, no início da tarde desta terça-feira (2) em João Pessoa. De acordo com o capitão Soares, depois de retirados, os artefatos que estavam no corpo do motorista foram desmantelados e a polícia constatou que eles não tinham carga explosiva." O material não poderia trazer estrago nenhum ao motorista", completou o policial. Depois de detonados, os vestígios foram encaminhados para perícia.

Segundo o major Ferreira, o motorista diz que foi sequestrado por quatro homens durante a manhã e foi deixado junto com o veículo na Rua Umbuzeiro, no bairro de Manaíra. Os criminosos conseguiram fugir levando todo o valor que estava dentro do carro forte. "Segundo as informações que temos, eram quatro homens que fugiram em um veículo Classic preto. Ainda não sabemos a quantia roubada", afirmou o major Ferreira.

O motorista foi atendido por uma equipe do Samu e passa bem. Ele seguiu para o Distrito Integrado de Segurança Pública da Paraíba (Disp), em Manaíra, onde relatou o que teria acontecido. Segundo a polícia, ele disse que quando chegou para descarregar os valores em caixas elétricos em um shopping alertou aos colegas que estava com o corpo cheio de explosivos. Até o momento em que a polícia desarmou o colete, ele achava que o material poderia ser acionado e explodir. Segundo a Polícia Civil, o caso está sendo investigado pelo Grupo de Operações Especiais (GOE).


    Fonte: G1 PB